livraria on-line

bibliographias@gmail.com / 934476529

.

.

8 de fevereiro de 2018

Alexandre Cabral — Ferreira de Castro: o seu drama e a sua obra

Lisboa, Portugália – Editora. 1940. In-8º de 136, [4] págs. Br.

Primeira edição de um dos livros iniciais de Alexandre Cabral, já invulgar. Inclui a «Bibliografia completa de Ferreira de Castro» até essa data e, a terminar, o longo (de 60 páginas) capítulo «Romancistas portuguêses contemporâneos», principal ponto de interesse do trabalho, que começa por uma rápida teoria do romance enquanto género literário e logo se estende em considerações sobre o romance português daquele tempo – entre críticas superficiais, mas afiadíssimas e violentas, a escritores como Antero de Figueiredo, Manuel Ribeiro e Nuno de Montemor e elogios às então «novas promessas» Fernando Namora e Alves Redol, rematando com um extenso período de louvor a Aquilino (que, ainda assim, considera não chegar a igualar Ferreira de Castro – juízo, naturalmente, mais do que discutível).

Exemplar valorizado por dedicatória manuscrita (em 1945) do autor a José Águas. Em muito bom estado, salvo algum desgaste da capa e uma por outra pequena mancha no miolo.

17€