livraria on-line

bibliographias@gmail.com / 934476529

.

.

11 de fevereiro de 2015

Augusto Gil — Rosas Desta Manhã

Rosas desta manhã (Versos, interpretações e paráfrases dalguns epigramas gregos)

(Composto e impresso na oficina «Ottosgrafica, Ltd.a», Lisboa). In-8º de 166, [2] págs. Enc.

Publicado em edição póstuma pela viúva, foi este o último livro de Augusto Gil, uma recolha de composições, por ele traduzidas, de autores da antiguidade grega e helénica – entre outros, Anacreonte, Diodoro, Meleagro, Platão, Safo e Simónides –, acompanhadas por ilustrações, em frontões e vinhetas decorativas, com temas e motivos gregos, em alguns casos, reproduzidos por gravura. A segunda parte do volume é um «In Memoriam» de homenagem que integra textos, em prosa e em verso, de Júlio Dantas (de quem é também o prefácio), João de Barros, Fausto Guedes Teixeira, Norberto de Araújo, Mayer Garção, Nuno de Montemor, Rocha Martins, etc.

Exemplar n.º 907, com o ex-libris de Bde. (Brederode, decerto) Gil, bem encadernado em percalina com lombada e cantos em pele e conservando por inteiro a capa de brochura.
 
35€